Páginas

TRAVEL GUIDE: PARIS | Conciergerie

Num edifício que lembra um palácio (ok, sejamos honestos, a maioria dos edifícios parisienses parecem palácios!) mesmo à beira do rio Sena encontramos a Conciergerie na qual entramos mesmo antes de fechar naquele feeling de ver o máximo que conseguirmos. Na realidade é onde está o Palácio da Justiça e onde esteve uma prisão agora um museu. Uma prisão que tem tal importância por ter sido onde a Marie Antoinette esteve presa antes de ser degolada durante a Revolução Francesa.

Este local debaixo do solo fica na Ile de la Cité e mostra-nos a realidade das prisões francesas da época onde os mais pobres tinham direito a uma sela com palha no chão e os mais ricos conseguiam pagar para ter uma sela individual com uma cama. Podemos observar a reconstrução da sela da Marie Antoinette e dos guardas que a vigiavam. Podemos ler os nomes das pessoas mortas durante a Revolução, ver a sala dos guardas e algumas selas, podemos observar a Sala das Pessoas de Armas (na fotografia abaixo onde o meu pai já foi a um jantar com um tema medieval, quão brutal é isto?) e ainda uma capela dedicada à mulher de Luís XIV. Fica ao lado da Sainte Chapelle e é facílimo de visitar ambas na mesma tarde. Paris e França em geral é um país riquíssimo em história e para além de visitarmos lugares emblemáticos e os monumentos habituais decidimos também compreender mais sobre esta cidade que durante toda a história da Humanidade foi palco de massacres, guerras, invasões, casamentos, revoluções. Podemos olhar para trás e rever Paris numa época completamente distinta.




2 comentários:

  1. Acho fantástico que tenhas visitado locais em Paris que não tive a oportunidade de conhecer quando lá estive e adoro que me leves a viajar contigo :)

    ResponderEliminar
  2. Esse detalhe das celas deixou-me abismada. Não que seja novidade para mim as facilidades que os mais ricos têm, mas com certeza passou a ser um novo facto conhecido!
    Tenho adorado bastante estas tuas publicações. Estás de parabéns!

    A Vida de Lyne

    ResponderEliminar